– 46 milhões de habitantes, sendo 4,6 milhões imigrantes (10%)

– Há menos de 1% de protestantes/evangélicos (460 mil), sendo que 2/3 dos crentes são imigrantes

– Alguns dados apontam que cerca de 60% de todos os evangélicos espanhóis são ciganos

– Espanha tem um grave problema de natalidade

– Espanha destaca-se por estar entre os países com maior taxa de desemprego no mundo

– É um dos países que mais tempo manteve o catolicismo como religião oficial, até 1931, depois entre os anos 39 a 78

– 66.3% de católicos, segundo o centro de investigação sociológico do país (2018)

– Neste estudo, apenas 12,4% de católicos vão à igreja todo domingo

– 16,2% entre agnósticos e sem religião

– 12,3% de ateus

– O secularismo tem sido a marca principal do processo de diminuição de práticas religiosas no país

– 4,3% de muçulmanos (2016)

– Maioria das igrejas são multiétnicas, com maioria de latino americanos, romenos ou africanos. Isso levou muitos espanhóis a ver a fé evangélica como uma religião estrangeira

– Espanha possui apenas pouco mais de 2 mil congregações evangélicas

– Espanha possui 607 municípios com mais de 5 mil habitantes e mais de 7 mil com menos de 5 mil habitantes, que não têm nenhuma Igreja Evangélica, sendo que o país tem um total de pouco mais de 8 mil cidades

– Ao todo são 15 milhões de cidadãos que vivem em cidades, vilas e aldeias onde ainda não existem igrejas evangélicas

– O número de crentes por congregação é de 40 pessoas

– Espanha tem menos evangélicos que muitos países muçulmanos

– É o país de língua espanhola menos evangelizado do mundo

Diante de tuuuudo isso aí acima, te peço: não ore por obrigação, por tarefa ou por desencargo de consciência. Peça ao Espírito que incline seu coração para cá, assim como o coração dEle está.

Um abraço!

André